5 programas gratuitos úteis para a Arqueologia

Existem muitos programas que nos permitem apresentar trabalhos mais completos e corretos, muitos têm licenças caras que a maioria dos arqueólogos não podem pagar, mas existem alternativas gratuitas.

Esta é uma pequena lista de alguns programas gratuitos disponiveis para quem utiliza Linux, Windows ou macOS.

Apache OpenOffice é um conjunto de ferramentas com funcionalidades semelhantes ao Microsoft Office: processador de texto, folha de cálculo, uma ferramenta para criar apresentações multimédia, um programa de desenho, um editor de equações e um sistema para gerir bases de dados.

Gimp é um editor de imagem, ou seja, serve para fazer o mesmo que podemos fazer com o Adobe Photoshop, desde trabalhar fotografias a colorir e completar desenhos de campo. É útil e fácil de usar e com uma mesa digitalizadora obtêm-se resultados interessantes.

Inkscape serve para criar desenhos vetoriais, utiliza fórmulas geométricas como pontos, linhas e poligonos para representar imagens e tem funcionalidades semelhantes ao Adobe Illustrator. É intuitivo e útil para digilitalizar os desenhos de campo.

Draftsight serve para criar desenhos técnicos 2D, a versão gratuita, que implica registo, tem algumas das funcionalidades do AutoCAD.

QGIS – software de Sistemas de Informação Geográfica que serve para gerir, processar, analisar, armazenar e manipular dados geográficos, e também permite criar mapas.