″Amantes de Modena″, sepultados de mão dada há cerca de 1500 anos, eram afinal homens

Estado dos restos, que foram descobertos em 2009 e remontam ao período entre os séculos IV e VI d.C, não tinha permitido revelar o género, mas assumiu-se que eram um homem e uma mulher.

O par de esqueletos antigos conhecido como “Amantes de Modena”, por terem sido encontrados enterrados nessa cidade italiana de mãos dadas, eram afinal dois homens, revelaram os cientistas.

Descobertos em 2009, os restos que datam do período entre os séculos IV e VI d.C estavam de tal maneira degradados que parecia impossível determinar o seu género e sempre se assumiu que fossem de um homem e de uma mulher.

Fonte: ″Amantes de Modena″, sepultados de mão dada há cerca de 1500 anos, eram afinal homens