Peter Brown: “Pior que esquecer a história é distorcê-la para avivar o ressentimento”

Com 36 anos, demonstrou em ‘O mundo da Antiguidade Tardia’ que a tese da decadência de Roma era falsa. Para muitos, é o maior historiador vivo em língua inglesa. Falamos com ele em sua casa em Princeton sobre sua trajetória, o abandono das ciências humanas e a tendência política de manipular o passado para incutir o medo

Fonte: Peter Brown: “Pior que esquecer a história é distorcê-la para avivar o ressentimento”